Bem Vindo ao site dos Metabase Carajas-PA,
 
Adicional Noturno
DEFESA DO ADICIONAL NOTURNO 65% X 20% NOSSAS FAMÍLIAS MERECEM PERDER RENDA?
sem imagem

Cada um costuma entender uma comunicação como quer, para defender seus interesses.

Uma mensagem de vídeo veiculada pela Vale entendeu a reclamação do Sindicato de que os trabalhadores perdem remuneração quando não estão no horário noturno da maneira mais distorcida e desleal possível.

O direito ao pagamento do adicional noturno de 65%, garantido em nosso acordo coletivo de trabalho, leva o patrão a raciocinar que o salário diurno está bem remunerado e que o adicional está gerando salários muito altos.

Chega ao cúmulo de dizer que “o valor que estamos pagando é muito maior que o desconforto em trabalhar à noite”. É, no mínimo, absurdo e de uma percepção social tristemente desumana.


 

 O Sindicato convoca todos os trabalhadores a resistirmos a mudanças que prejudiquem direitos da categoria e que representem arrocho na remuneração hoje recebida pelos trabalhadores. Devemos nos mobilizar para impedir esta intenção da Vale, que representa uma tragédia para o nível de renda familiar.

Quem recebe hoje 65% de adicional noturno não pode admitir um corte de 45% neste direito, para que a Vale pague os 20% de lei. Todos têm um padrão de vida familiar que será profundamente afetado se esta medida for imposta pelos patrões.

Além disto, teríamos sérios prejuizos diretos em nossos direitos que nos asseguram um futuro melhor. A redução do adicional implica também em reduzir os depósitos de FGTS, contribuição para o INSS, redução do valor aplicado em nossa previdência complementar através da Valia, prejuizos que só oferecem vantagens para a Vale aumentar seus lucros, cortando «despesas» de cunho essencialmente social.

A Vale acusa os Sindicatos de reivindicarem direitos fora da realidade. Certamente a realidade dos patrões, que ganham fábulas de dinheiro, é muito diferente da nossa, simples mortais com salários que exigem sacrifícios subumanos.

Nos sentimos orgulhosos de sermos acusados por lutar pelos direitos dos trabalhadores, para que o trabalho com empenho e responsabilidade seja recompensado justamente.

Conclamamos todos os trabalhadores à mobilização, para que todos que ganham hoje os 65% de adicional noturno não permitam reduzir um centavo em seu direito e não sacrifiquem mais suas famílias, principalmente diante de uma explosão inflacionária, que exige de nós gastos muito mais elevados.

          

[+] Veja mais noticias              Voltar para página inicial